PROCURA
CONTACTOS
paulo-coelho@paulo-coelho.com
tel.: +351 262 505 540
POLÍTICA DE PRIVACIDADE
CONFLITOS DE CONSUMO
paulo-coelho@paulo-coelho.com
tel.: +351 262 505 540
POLÍTICA DE PRIVACIDADE
CONFLITOS DE CONSUMO
SUBSCREVA A NEWSLETTER
 

ENTREVISTA A SUSANA BENTO - REVISTA "PORTUGUESE LIGHTING NETWORK" (EDIÇÃO 7)

PARTILHAR

Após mais de 15 anos de experiência com avanços tecnológicos e tendências, como descreve as peças de iluminação da Paulo Coelho?
A iluminação PAULO COELHO já conta mais de 20 anos e, ao longo deste tempo, temos evoluído no sentido de acompanhar sempre as tendências e os avanços tecnológicos, quando aplicáveis ao nosso estilo de iluminação, tendo em conta que a nossa principal matéria-prima é a madeira, logo, também, neste sector tentamos acompanhar as tendências.

Onde se inspira para a criação de cada peça?

A criação das nossas peças é um trabalho conjunto com o nosso designer João Graça, já há muitos anos a trabalhar a tempo inteiro na nossa empresa, e a criação vem da sua própria inspiração ajustada ao que exequível, tendo em conta o nosso tipo de produção e o estilo próprio da nossa marca, que pretendemos manter.

De todos os mercados com quem trabalha, qual o mais aliciante e porquê?

Não consigo identificar nenhum em particular, pois trabalhamos sempre com todos, tanto em maior ou menor quantidade, com o mesmo empenho e vontade de satisfazer cada cliente que nos procura e aposta nos nossos produtos. De igual forma, a satisfação máxima dos nossos clientes é a principal aposta da nossa empresa.

Olhando para a sua experiência acumulada, quais são para si os aspectos positivos e negativos do nosso sector de iluminação, se é que são específicos ou comuns a todos os sectores?
A concorrência do Médio Oriente pode, em parte, ter vindo, por um lado, tirar-nos mercado e possibilidades de venda, mas por outro lado, faz com que cada empresa aposte, cada vez mais, na qualidade e no design próprio em detrimento dos produtos de baixa qualidade e preço baixo. Acho que devemos ser fiéis a esse princípio e dar a volta, apostando na diferenciação e na qualidade de cada produto que produzimos, creio que a pouco e pouco o mercado volta a dar mais valor ao aspecto do design e da qualidade.

Que conselhos daria a um jovem empreendedor/designer que gostasse de se aventurar pelo caminho da iluminação?

Apostar sempre na criação de artigos diferentes e de qualidade e acompanhar sempre os avanços tecnológicos, só assim se poderão desmarcar e vencer a concorrência.

Fazendo a D.Susana parte dos Órgãos Sociais da AIPI, faça um balanço do trabalho desenvolvido pela Associação ao longo destes 20 anos.
Considero positivo o balanço, todos esperamos e contamos com esse mesmo apoio para podermos acompanhar a evolução dos mercados nos vários níveis, tanto na vertente comercial, como o apoio na presença em feiras internacionais do sector e a nível de actualização da exigências colocadas ao nosso sector.

Copyright © PAULO-COELHO.COM 2018 | Desenvolvimento e Design :
Copyright © PAULO-COELHO.COM 2018
Desenvolvimento e Design :